(11) 96360-2382

  • 0sem produtos

Crisina 500mg

R$124,00

3X de R$41,33 sem juros

Ver detalhes das parcelas
1 x R$124,00 sem juros 2 x R$62,00 sem juros 3 x R$41,33 sem juros
1 x R$124,00 sem juros 2 x R$62,00 sem juros 3 x R$41,33 sem juros

MEIOS DE PAGAMENTO

Formas de Envio

SEU CEP:

Detalhe do produto

Crisina é ideal para atletas e fisiculturistas que buscam a hipertrofia (aumento do volume dos músculos).Também tem como caracteristicas principal inibir o processo que transforma testosterona  em estrogênios, principalmente em homens de idade mais avançada 

A Crisina é flavonóide natural e obtida principalmente da planta Passiflora coerulea.Tem efeito ansiolítico, ajuda no controle da ansiedade e tensão mas sem causar sonolência e relaxamento muscular. Combate os radicais livres devido ação antioxidante e age como um quimioprotetor natural.

O equilíbrio dos hormônios sexuais dos homens e mulheres é controlado pela enzima aromatase, que catalisa a conversão de testosterona, por exemplo, em estrogênio. 
A Crisina apresenta ação inibidora da aromatase e por isso é considerada uma “isoflavona anabólica” pelo seu efeito antiestrógeno que aumenta a produção de testosterona impedindo a conversão em estrogênio. Essa ação pode ser benéfica para controle hormonal de homens no período da andropausa e também indicado para fisioculturistas e atletas que utilizam andrógenos como anabolizantes, reduzindo seus efeitos adversos estrogênicos.

 

Beneficios:

- Auxilia no aumento de massa muscular. 

- Auxilia no controle da ansiedade e tensão.

- Ação antioxidante e quimioprotetor natural.

- Auxilia no controle hormonal   e indicado para homens no período de andropausa.

- Pode ser usado em associação a anabolizantes inibindo os efeito adversos. 

 

Posologia:

Tomar 1 cápsula, 2 vezes ao dia.

 

Observações :

Médicos aconselham os usuários a limitar suas dosagens para 8 semanas, seguindo as informações de quantidade de forma mais precisa possível. Deve-se retomar o uso após o período de desintoxicação do corpo, que varia de pessoa para pessoa; por isso, consulte um médico para que ele diga quando é permitido retomar o uso da crisina. Grávidas e mulheres em período de amamentação devem evitar a crisina.

Venda sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a Resolução 585/2013 do Conselho de Farmácia.Consulte-o.